World Design Capital – Cidades que utilizam o Design em seu dia a dia

Com mais da metade da população mundial vivendo em áreas urbanas, as cidades estão enfrentando mudanças dramáticas na adaptação para atender a este contingente de pessoas, que cresce cada vez mais. O futuro sucesso de cada cidade é, portanto, largamente dependente daqueles que planejam, projetam e gerenciam os espaços compartilhados e suas funções.

Sobre o World Design Capital

O World Design Capital é uma iniciativa que ocorre de 2 em 2 anos, para promover cidades que utilizam o Design como ferramenta para melhorar a qualidade de vida através de ações na sua cultura, sociedade e economia. A autoria é do Conselho Internacional das Sociedades de Desenho Industrial (International Council of Societies of Industrial Design – ICSID), uma organização não governamental que visa proteger e promover a profissão do designer, e enxergar o Design como uma forma de melhorar a qualidade de vida.

O ICSID desenvolveu o World Design Capital com o intuito de identificar e desenvolver o Design de forma global e alavancar a colaboração dessa iniciativa por todo o mundo.

worlddesigncapitals41

Desde 2008, cinco capitais já foram eleitas como World Design Capital: Torino, Italia; Seoul, Coreia do Sul; Helsinki, Finlândia; Cidade do Cabo, África do Sul; Taipei, China. Durante os dois anos seguintes, a cidade escolhida passa a receber diversos eventos relacionados ao design.

A cidade que é eleita como World Design Capital ganha visibilidade como um centro de inovação e criatividade, atrai investimentos, um forte desenvolvimento econômico, aumenta a qualidade de vida de sua população e se torna referência em design pelo mundo todo, construindo uma boa imagem e fazendo parte de uma rede internacional de design.

Taipei, World Design Capital 2016

De acordo com o site oficial do World Design Capital, a atual capital escolhida, Taipei, revigorou seu cenário urbano nos últimos 50 anos para incluir um sistema sofisticado de trânsito, um sistema médico especializado e uma infra-estrutura cultural movimentada. Sob o tema “Adaptive City – Design in Motion” (Cidade adaptável – design em movimento), Taipei tem demonstrado porque as cidades devem ser capazes de se adaptar para atender as demandas do cidadão.

Confira alguns dos projetos da cidade:

110

Dinamizar a troca de ideias entre os cidadãos e turistas: Exposições e Feiras Internacionais de Design

Exposições relacionadas ao Design:

Entre os anos de 2012 e 2013, Taipei obteve um público de mais de 350.000 pessoas entre as exposições oferecidas relacionadas ao Design.

Presença nas principais Feiras Internacionais de Design:

Desde 2012 o governo de Taipei tem participado das principais feiras internacionais de Design: Helsinki, Cidade do Cabo, Eidhoven, Londres e Sydney. Na Finlândia, o governo de Taipei assinou o Memorando de Entendimento Comum com o governo de Helsinki, comprometendo as duas cidades a realizarem mudanças futuras significativas entre a inovação na indústria cultural e criativa, educação infantil e gestão das áreas urbanas.

121

Inovação na paisagem urbana: Participação de Moradores e Designers para a reformulação dos Outdoors Elétricos:

Taipei possui milhares de outdoors elétricos espalhados por toda a cidade. O bairro comercial de Dalongdong, foi o primeiro a ser escolhido para a mudança. Com a colaboração dos moradores, artistas locais e designers um novo visual foi feito para destacar esses outdoors. O projeto é uma oportunidade onde os próprios moradores colaboram com o visual e design da cidade tendo participação, portanto, no desenvolvimento do espaço público.

taipei1

Investimento em estrutura aliada ao Design – Projeto do Parque Industrial de Design:

Taipei planeja desenvolver o Parque Industrial de Design, um lugar onde profissionais e estudantes de todas as áreas do Design possam desenvolver suas habilidades. O projeto irá naturalmente oferecer uma grande oferta de profissionais ao mercado e oportunidades para alavancar suas carreiras.

taipei2

 Desenvolver o Estudo do Design desde a infância – Projeto de Ensino de Design

O projeto irá preparar professores que adequem o design ao ensino das crianças através do Design Thinking. Estabelecendo esse tipo de pensamento desde o ensino fundamental e médio, Taipei irá promover uma nova esfera criativa e artística nas escolas, através de diversas atividades voltadas ao design incluindo aulas ao ar livre, cursos e aulas planejadas.

TAIPEI3

Serviço Inteligente de Ônibus: Paradas de Ônibus e Sistema de Integração dos Sinais

Paradas de Ônibus:

Equipadas com um botão que irá acender uma luz no ponto de ônibus, indicando que o motorista deve parar naquele ponto.

 Integrated Traffic Signals:

Este projeto consiste em desenvolver um sistema integrado dos sinais baseado no atual sistema de tráfego da cidade, trazendo solução para pedestres, passageiros e evitar trânsito.

Assista ao vídeo da cidade, com algumas de suas inovações feitas em Taipei durante 50 anos através do Design:

Para mais informações sobre os eventos e as inovações de Taipei como World Design Capital, acesse o site:

http://wdc2016.taipei/en/government-innovations/

E não deixe de acompanhar a iniciativa do World Design Capital, quem sabe um dia, alguma cidade do Brasil não será eleita?

http://www.worlddesigncapital.com/